Oficina de pintura

diversidade no olhar

Autores

  • Stephani Corrêa Ferreira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense
  • Jonas Defante Terra Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Palavras-chave:

Teoria queer, Diversidade, Gênero, Sexualidade, Arte-educação

Resumo

A instituição escola nasceu a partir de uma perspectiva normatizadora no que diz respeito a norma social que foi produzida alicerçada ao conceito normativo de sexualidade. O ambiente normativo presente no âmbito escolar não dá lugar a discentes que fogem dessa lógica heteronormativa uma vez que, o rompimento de determinada norma social propende a ultrapassar os limites de compreensão que foram impostos pela ‘norma’. A proposta o projeto artístico-pedagógico “Oficina de pintura: diversidade no olhar” parte desta narrativa e tem como objetivo proporcionar aos participantes a experiência de criação e produção artística de ilustrações, perpassando o campo estético da arte e atravessando o campo social, sensibilizando os participantes para arte e evidenciando questões inerentes à cidadania e coletividade referentes a abordagem de conceitos sobre gênero e diversidade.

Biografia do Autor

Stephani Corrêa Ferreira, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Bolsista e Licencianda em F´ísica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Jonas Defante Terra, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Coordenador de Políticas Culturais e Diversidade do IFFluminense

Downloads

Publicado

2021-09-22

Como Citar

CORRÊA FERREIRA, S.; DEFANTE TERRA, J. Oficina de pintura: diversidade no olhar. Seminário Virtual da Mulher, [S. l.], 2021. Disponível em: https://anais.eventos.iff.edu.br/index.php/svmulher/article/view/73. Acesso em: 17 jul. 2024.