Aquilombar

A luta das mulheres quilombolas frente a um Brasil colonial contemporâneo

Autores

  • Paula Vitória Moreti Soares Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Palavras-chave:

Mulheres, Quilombo, Conflitos

Resumo

Desde Aqualtune, mulheres negras têm lutado por sua liberdade e direito ao acesso à terra. O legado de mulheres libertárias como Dandara dos Palmares e Tereza de Benguela evidenciam que ainda na contemporaneidade a luta se faz presente para aqueles que foram invisibilizados no processo "civilizatório" da modernidade. O conflito no campo brasileiro revela uma estrutura agrária que o Estado não se propõe a debater, e mesmo quando concede direitos, barreiras parecem se erguer na efetivação. Em 2003 a partir do decreto 4.8871 regulamenta-se o procedimento de acesso à terra às comunidades quilombolas. Mesmo com os avanços transportado pelo decreto, a morosidade do Estado em efetivar o direito passam a ficar evidentes, em contrapartida os conflitos passam a ficar cada vez mais acirrado. O presente ensaio busca adentrar ao campo geográfico a temática do conflito pela narrativa das mulheres quilombola. Evidenciando o que foi silenciado á mais de 500 anos, buscando assim cartografar os conflitos no território brasileiro de 2003-2018, no qual passa-se a emergir e salientar os corpos quilombolas como sujeitos de direitos,e assim evidenciar quais atores hegemônicos essas mulheres têm feito resistência. Para a realização da pesquisa os levantamentos de dados foram realizados através dos históricos da CPT que reúnem todos os conflitos por água e terra, nesta nos interessou salientar quais atores hegemônicos aparecem nos conflitos. Os resultados obtidos evidenciam como o Estado, fazendeiros e empresas têm mantido o esforço para continuação de uma Brasil de 500 anos atrás, perpetuando assim a colonização pela colonialidade.

Biografia do Autor

Paula Vitória Moreti Soares, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Fluminense

Graduanda em Geografia pelo Instituto Federal Fluminense. Pesquisadora voluntária
no Laboratório de estudos de Movimentos Sociais e Territorialidades - LEMTO, na
Universidade Federal Fluminense

Downloads

Publicado

2021-09-22

Como Citar

MORETI SOARES, P. V. Aquilombar: A luta das mulheres quilombolas frente a um Brasil colonial contemporâneo. Seminário Virtual da Mulher, [S. l.], 2021. Disponível em: https://anais.eventos.iff.edu.br/index.php/svmulher/article/view/197. Acesso em: 17 jul. 2024.