Controle reprodutivo de equinos da raça Pônei Brasileiro na região Norte Fluminense

Autores

  • Yasmine Tomaz Martins Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro
  • Áurea Helena Silva Thereza Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro
  • Millena de Andrade Oliveira Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro
  • Luan Junio Wutke Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro
  • Luís Hiago Coutinho Marques Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro
  • Luis Fonseca Matos Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro

Palavras-chave:

Eficiência reprodutiva, Ultrassonografia, Exame ginecológico, Obstetrícia

Resumo

Criar pôneis tem sido um bom mercado comercial, devido à popularização da raça e utilização para lazer. Entretanto, a eficiência reprodutiva dos equinos, em especial aos animais da raça Ponei Brasileira, é inferior quando comparada à de outras espécies domésticas. O objetivo deste trabalho é fazer o acompanhamento dos animais de haras da região Norte Fluminense visando aumentar as taxas de prenhez, de nascimentos e a diminuição das perdas neonatais. São realizados acompanhamentos no período de cobertura das matrizes, por meio de exames ginecológicos por ultrassonografia e biópsia uterina para o diagóstico de afecções reprodutivas. Nos garanhões são realizadas coleta de sêmen e exame andrológico para a avaliação da qualidade espermática e do potencial de fertilidade doa nimal. Após as coberturas ou inseminações, as éguas são avaliadas para o diagnóstico de prenhez e acompanhamento gestacional com o uso de ultrassonografia doppler, observando o desenvolvimento do feto. Quando necessário, são realizados atendimentos obstétricos para correção das distocias, visando o bem estar das fêmeas e evitando as perdas neonatais, uma vez que identificamos taxas relativamente altas de de perdas embrionarias, fetais e problemas de parto, principlamente pela estática fetal anômala e mal-formação fetal quando comparado a raças de grande porte. Conclui-se que é necessário o suporte aos haras para que seja possível aumentar os índices reprodutivos e a manutenção do bem estar dos animais.

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2022-07-08

Como Citar

TOMAZ MARTINS, Y. .; SILVA THEREZA, Áurea H. .; ANDRADE OLIVEIRA, M. de .; JUNIO WUTKE, L. .; COUTINHO MARQUES, L. H.; FONSECA MATOS, L. . Controle reprodutivo de equinos da raça Pônei Brasileiro na região Norte Fluminense. Mostra de Extensão IFF - UENF - UFF - UFRRJ, [S. l.], v. 13, 2022. Disponível em: https://anais.eventos.iff.edu.br/index.php/mostradeextensao/article/view/1525. Acesso em: 13 jul. 2024.